Colégio Etapa Internacional
CONTATO

Filtrar por categoria
Filtrar por categoria

Saiba como conseguir o visto de estudante para o exterior

Entenda os requisitos básicos para as embaixadas de diferentes países concederem um visto de estudante.

Para fazer a graduação em uma universidade internacional, os estudantes precisam solicitar o visto de estudante. Mas, afinal, você sabe quais são as principais exigências dos consulados para expedirem esse tipo de selo?

Entenda, a seguir, os requisitos básicos para as embaixadas de diferentes países concederem um visto de estudante e confira algumas dicas sobre como conseguir essa autorização que te permite estudar em uma instituição de ensino superior do exterior.

 

Quais são as principais exigências dos consulados internacionais para emitirem vistos de estudante aos brasileiros?

Os processos de emissão desse tipo de selo variam de acordo com os países, mas existem alguns pontos em comum na lista de requisitos das embaixadas.

“No caso dos candidatos que irão fazer um programa de curta duração, é possível viajar com o visto de turista. Mas, para cursar uma graduação ou uma pós-graduação, eles deverão ter um visto de estudante”, frisa Ariel Setton, college counselor do Colégio Etapa.

 

University of Toronto: uma das melhores universidades do Canadá

A University of Toronto foi eleita a melhor universidade do Canadá.

 

“Assim que um candidato realiza a matrícula em uma universidade do exterior para a qual foi aprovado, a própria instituição prepara e envia, por correio, um documento com informações sobre o curso escolhido, os valores das taxas a serem pagas e das bolsas de estudo que, porventura, ele tenha recebido. Esse formulário deve ser apresentado a um consulado do país de destino do estudante para que ele consiga agendar uma entrevista”, explica Cristina Tavares, coordenadora do Setor Internacional do Colégio Etapa.

Os candidatos são entrevistados por representantes das embaixadas. “Nesses encontros, os estudantes deverão apresentar o documento emitido pela universidade em que se matriculou, um passaporte válido e uma documentação que lhes permitam comprovar a renda das suas famílias. Assim, os agentes consulares podem avaliar se os pais ou os responsáveis pelos candidatos conseguirão sustentá-los em outro país, considerando não só os custos com os estudos, mas também com alimentação, moradia e plano de saúde”, afirma Tavares.

“Por isso, muitas vezes, as famílias precisam organizar os extratos bancários e até solicitar uma carta ao gerente do banco, além da declaração do Imposto de Renda (IR). Sem falar que os consulados podem exigir que os documentos financeiros sejam traduzidos e juramentados”, acrescenta Setton.

“Outro aspecto que também pode ser avaliado pelos consulados é o cartão de vacinação. A embaixada da Austrália, por exemplo, exige que os brasileiros tenham sido vacinados contra a febre amarela. Sem falar que para ingressar em uma universidade americana, todos os estudantes precisam apresentar um teste negativo de tuberculose”, informa Setton.

 

Yale

A Yale University faz parte da Ivy League.

 

Além dos requisitos comuns para a emissão de um visto de estudante em qualquer embaixada, os estudantes também devem estar atentos às particularidades de cada país.

“Nos consulados americanos, os candidatos precisam estar com o I-20, documento enviado pelas universidades dos Estados Unidos, e pagar a taxa de solicitação do visto para agendarem suas entrevistas. Sem falar que é necessário ir até o Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) para fazer a coleta das digitais e a captura de uma foto, exigências do Homeland Security¹. Posteriormente, os estudantes podem agendar as entrevistas pelo site oficial da embaixada”, destaca Tavares.

“Nesse encontro, eles devem apresentar toda a documentação financeira, além do formulário I-20 e do passaporte. Se forem aprovados, eles deverão buscar o passaporte carimbado dentro de algumas semanas. No caso de resposta negativa, o agente consular irá informar os candidatos sobre quais documentos devem ser apresentados em um novo encontro para que a embaixada faça uma reavaliação”, complementa Tavares.

Já a embaixada francesa possui uma etapa pré-consular, na qual os estudantes precisam se cadastrar na plataforma Etudes en France, preencher um formulário e submeter um dossiê no site da Campus France, realizar o pagamento da taxa administrativa e, ainda, passar por duas entrevistas.

 

parcerias com universidades internacionais renomadas (2)

 A Universidade de Coimbra está na lista das dez melhores universidades de Portugal.

 

No caso dos consulados de Portugal, os candidatos precisam reunir a carta de aceitação de uma instituição de ensino superior do país, uma autodeclaração com informações sobre a graduação a ser cursada, comprovantes financeiros e de alojamento, um seguro médico internacional de viagem e um atestado de antecedentes criminais. Após organizarem toda a documentação, eles deverão preencher o formulário de pedido on-line do visto.

E esses são apenas alguns exemplos de especificidades de determinadas embaixadas. "Por isso, é importante que os estudantes se informem sobre as exigências do país pretendido, cujas informações podem ser obtidas nos sites oficiais desses órgãos”, destaca Setton.

 

Como os brasileiros podem conseguir um visto de estudante?

Agora que você já sabe quais são as principais exigências e algumas particularidades dos processos de emissão de vistos de estudante em diversos consulados, deve estar atento a alguns aspectos.

“Muitos candidatos acreditam que precisam resolver as questões burocráticas com a embaixada ao mesmo tempo em que preparam suas candidaturas para as universidades do exterior. Mas o primeiro passo para conseguir esse tipo de selo é ser aprovado por uma instituição internacional de ensino superior. Por isso, os estudantes devem primeiramente se concentrar nos processos de admissão para, apenas depois de serem aprovados, resolverem todo o trâmite consular”, explica Setton.

 

 

“O que pode ser adiantado é a emissão do passaporte, caso os candidatos ainda não tenham esse documento, ou sua renovação, caso sua validade esteja vencida. Além disso, eles também podem solicitar que suas famílias organizem a documentação financeira. Vale destacar que a emissão do passaporte, assim como a tradução e a juramentação dos documentos financeiros, é um processo burocrático! Por isso, os estudantes devem organizar esses papéis com antecedência para evitarem contratempos”, destaca Tavares.

“Na maioria das embaixadas, a emissão dos vistos de estudante é uma prioridade e, dificilmente, os candidatos que apresentam toda a documentação exigida encontram problemas para conseguirem esse tipo de selo. Mas é preciso destacar que o documento emitido pelas universidades internacionais não garante que os estudantes serão aprovados pelos agentes consulares”, aponta Setton.

“Por isso, antes das entrevistas, vale a pena conferir se os dados de todos os documentos estão corretos, pois qualquer diferença em um deles pode levar os consulados a não autorizarem a emissão de um visto”, ressalta Tavares.

Ademais, os candidatos devem se preparar para as entrevistas. “Os estudantes que são menores de idade devem ir acompanhados dos pais para esses encontros. Porém, apenas os candidatos respondem às perguntas dos agentes consulares, que costumam ser feitas em inglês ou no idioma local do país de destino. Durante as entrevistas, os representantes da embaixada perguntarão sobre a cidade, a universidade e a graduação pretendidas, a duração do curso e sobre os planos dos estudantes”, afirma Setton.

 

universidades na Austrália

A La Trobe University fica em Melbourne, uma das cidades mais populosas da Austrália.

 

A emissão de vistos e a Covid-19

“Atualmente, os consulados de muitos países não estão emitindo nenhum tipo de selo, pois suas fronteiras seguem fechadas devido à pandemia da Covid-19. Por isso, muitos estudantes internacionais optaram por iniciar a graduação no formato on-line até a situação ser normalizada, enquanto outros candidatos que iriam começar seus cursos no último ano decidiram trancar suas matrículas. Mas vale destacar que nem todas as universidades internacionais ofereceram essa opção”, informa Tavares.

“Ademais, é importante ressaltar que após a reabertura das fronteiras, muitos países podem solicitar que os estrangeiros tenham sido vacinados contra a Covid-19 para que consigam os selos necessários”, complementa Tavares.

Mas também há boas notícias: recentemente, algumas nações começaram a abrir exceções para o processo de emissão de vistos de estudante. “Os Estados Unidos, por exemplo, decidiram incluir os estudantes internacionais na lista de Exceção de Interesse Nacional. Dessa forma, os candidatos brasileiros e de 31 países já poderão procurar, a partir de meados de maio de 2021, os consulados americanos para solicitar esse tipo de selo”, conclui Setton.

 

Gostou dessas informações sobre os vistos de estudante? Então compartilhe esse conteúdo nas redes sociais para ajudar seus amigos a se informarem sobre esse processo. O Colégio Etapa está no Facebook e no Instagram!

 

¹Homeland Security: termo utilizado para se referir ao Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos.

 

Conheça mais sobre o Colégio Etapa

Advanced Placement: conheça o currículo americano
Saiba como ajudar seu filho a se preparar para o application
Posts relacionados
Saiba como ajudar seu filho a se preparar para o application
Saiba como ajudar seu filho a se preparar para o application
Advanced Placement: conheça o currículo americano
Advanced Placement: conheça o currículo americano
Conheça os exames de admissão que são exigidos no application
Conheça os exames de admissão que são exigidos no application

Inscreva-se no Blog

Subscribe to Email Updates