MATRÍCULAS

Receba informações

Internacional

Aprovações Internacionais 2020: Grace Isaura Durkin

Por Colégio Etapa em 10/06/2020
Grace Isaura Durkin iniciou os estudos no Etapa, motivada pela tradição do Colégio em aprovar alunos no exterior.

Bard College, Emory University, Pace University, Penn State University, Purdue University e Rutgers University – New Brunswick

 

Grace Isaura Durkin, 17 anos, nasceu nos Estados Unidos, mas mora no Brasil desde pequena. A jovem iniciou os estudos no Etapa no Ensino Médio, motivada pela tradição do Colégio em aprovar alunos nos processos de seleção do exterior.

“Voltar para os Estados Unidos sempre fez parte dos meus planos. E, como as universidades americanas são reconhecidas pela excelência acadêmica e pela disponibilidade de recursos para pesquisa e desenvolvimento, concluí que me preparar para fazer a graduação lá seria o meu principal objetivo durante o Ensino Médio”, conta.

Grace entende que estudar no exterior envolve uma série de decisões importantes, como definir um curso de acordo com as suas aptidões, escolher uma universidade entre as mais de 4 mil instituições de ensino americanas, entre outras questões que surgem durante a preparação para o processo seletivo de uma instituição de ensino superior internacional.

Por conta disso, a jovem se candidatou a cursos de verão no exterior para se aconselhar com os professores universitários e outros alunos que trilharam esse mesmo caminho e, ao mesmo tempo, desenvolver novas competências. Em 2019, Grace foi contemplada com uma bolsa do Programa Internacional de Liderança, Enriquecimento e Desenvolvimento da University of Notre Dame.

“Essa vivência nos Estados Unidos foi fundamental para que eu pudesse tomar a minha decisão. Além dos aspectos acadêmicos, o estudante deve considerar outros fatores como, por exemplo, o clima, o perfil da cidade e a diversidade dos estudantes, pois essas questões podem influenciar a adaptação na universidade”, aconselha.

Grace foi aceita no curso de Biologia da Emory University, onde decidiu estudar, e de mais cinco universidades: Bard College, Pace University, Penn State University, Purdue University e Rutgers University – New Brunswick.

De acordo com Grace, as atividades extracurriculares realizadas por ela durante o Ensino Médio demonstraram a sua versatilidade e foram decisivas para a aprovação em universidades renomadas. “As atividades extraclasse tornam uma candidatura única e permitem que as universidades conheçam o candidato, as suas paixões e os seus valores”, afirma.

Grace Isaura Durkin demonstrou versatilidade ao participar de diversas atividades extracurriculares

Grace Isaura Durkin cursará Biologia na Emory University 


Cidadã do mundo

No Colégio Etapa, a estudante participou do Projeto Cria – Fotografia e do Simula Etapa, atividade de simulação de reuniões nos moldes dos comitês da Organização das Nações Unidas (ONU). Nesses encontros, o aluno tem contato com diferentes culturas, contextos sociais, econômicos e políticos, o que conscientiza os participantes sobre o papel deles enquanto cidadãos e os prepara para serem agentes de mudança.

Fora do Etapa, Grace se dedicou à prática musical, tocando piano, violino, violão e ukelelê, e ao trabalho voluntário em duas instituições: no Grupo de Mães de Jovens Especiais (GMJE) e na ONG Cidadão Pró-Mundo, na qual ela ministrava aulas de inglês para jovens de comunidades carentes. A aluna conta que essas experiências transformaram a sua vida.

“Os estudantes se tornaram meus amigos e, apesar de eu ser a professora, foram eles quem me ensinaram sobre a vida: eu passei a valorizar todas as oportunidades que tive e continuo tendo e, ainda, aprendi a apreciar as pequenas coisas”, ressalta.

“Acredito que essas experiências fizeram a diferença para o meu application¹, especialmente o voluntariado, pois é uma atividade que faço há alguns anos e que invisto muito tempo. O curso de verão que eu fiz também foi um ponto forte, pois demonstrou o meu envolvimento com os assuntos relacionados à liderança e ao empreendedorismo”, diz.

 

Planos para o futuro

A vontade de transformar a realidade das pessoas continuará norteando os passos de Grace Isaura Durkin durante a graduação. Enquanto aguarda o início das aulas na Emory University, a jovem faz planos para o futuro.

“Eu pretendo participar do programa de Estudos de Gênero da universidade para pesquisar sobre a saúde feminina. Preocupo-me com a condição global da saúde de meninas e mulheres que, muitas vezes, devido a aspectos religiosos, culturais, econômicos ou de desigualdade de gênero, não têm acesso a direitos básicos de saúde. Por isso, a minha meta profissional é buscar tratamentos e soluções cada vez mais eficientes, inovadores e de qualidade para as meninas e mulheres ao redor do mundo”, encerra.

 

Sobre a Emory University

A Emory University é considerada a 21ª melhor universidade dos Estados Unidos, de acordo com o ranking do jornal U.S. News & World Report. A instituição é reconhecida pelo método de ensino interdisciplinar, no qual o estudante pode conciliar a graduação principal com cursos de diferentes áreas do conhecimento.

No caso de Grace, ela escolheu a Emory por se tratar de um dos principais centros de pesquisa biológica e de referência médica do sudeste dos Estados Unidos, com laboratórios de ponta e excelentes oportunidades de estágio.

 

¹Application: processo de seleção para as universidades americanas.

 

Conheça mais sobre o Colégio Etapa

Artigos Recomendados

Cadastre-se e fique sabendo das novidades