MATRÍCULAS

Receba informações

Vestibular

Histórias para inspirar: Lorena Calixto Munhoz

Por Curso Etapa em 27/07/2021
Lorena Calixto Munhoz afirma que o apoio do Curso Etapa durante a pandemia foi impecável!

Lorena Calixto Munhoz tinha apenas uma meta e conseguiu alcançá-la! A jovem foi aprovada em 2º lugar no curso de Medicina Veterinária da Universidade de São Paulo (USP). Mas a jornada da ex-aluna do Curso Etapa até a aprovação foi marcada por muita dedicação e esforço.

A estudante prestou vestibular pela primeira vez após concluir o Ensino Médio, em 2019. Na ocasião, ela foi aprovada em uma universidade fora do estado. Contudo, a jovem tinha preferência por instituições localizadas em São Paulo, então decidiu iniciar os estudos no Curso Etapa e tentar a aprovação na Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest), considerada a principal porta de entrada para a USP.

“O início da minha preparação coincidiu com os primeiros casos de infecção da Covid-19 no Brasil, por isso nós tivemos que nos adaptar à modalidade remota já nas primeiras aulas do cursinho. E o apoio do Etapa foi impecável, do começo ao fim da preparação”, destaca.

“O Curso já estava preparado para oferecer todo o suporte necessário, apesar da distância, de modo que os professores conseguiram transmitir os conhecimentos com a mesma didática das aulas presenciais e, ainda, pudemos contar com todos os eventos virtuais e o apoio integral dos plantonistas. Fiquei muito satisfeita com a estrutura oferecida”, completa.

Após um breve período de adaptação, a jovem conta que foi possível vislumbrar os aspectos positivos das aulas on-line. “A maior vantagem foi a economia de tempo. Com o ensino remoto, aproveitei para estudar durante os minutos que eu levaria para me deslocar até o Etapa. Foram momentos preciosos que me ajudaram a retomar os conteúdos das apostilas e revisar as matérias antes do início das aulas”, relembra.

Lorena destaca ainda que o material didático foi essencial para sua preparação. “Eu realmente me surpreendi com a qualidade das apostilas, as quais apresentavam conteúdos atuais e alinhados aos que os principais vestibulares exigem. No meu caso, estava me preparando especificamente para a Fuvest e pude contar com materiais específicos para compreender o estilo da prova e, ainda, praticar a resolução dos exercícios, tanto da primeira como da segunda fase”, afirma.

A jovem também comenta a importância dos simulados para a melhora do seu desempenho. “Eu participei de todos os testes e posso afirmar que eles exerceram um papel fundamental em dois aspectos: na preparação física, considerando a permanência em sala de aula por mais de cinco horas, utilizando máscara e tendo que dominar o nervosismo; e no aspecto acadêmico, pois pude ter uma noção de como as matérias são abordadas e isso me tranquilizou quando efetivamente fui prestar o vestibular”, diz.

Por último, Lorena Calixto Munhoz fala sobre sua progressão na prova de Redação. “O preparo do Etapa fez toda a diferença para que eu evoluísse nesse quesito. Eu escrevia um texto por semana e enviava aos plantonistas, os quais faziam revisões cuidadosas e atentas, fornecendo dicas que me permitiram ir bem em todos os vestibulares”, explica.

“Não por acaso, alcancei 940 pontos na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), de modo que, se eu não tivesse sido aprovada na Fuvest, teria todas as condições para conquistar uma vaga por meio do Sistema de Seleção Unificada (SiSU)”, conclui.

 

Conheça mais o Curso Etapa

Artigos Recomendados

Cadastre-se e fique sabendo das novidades