<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=277882379290217&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Filtrar por Categoria
Filtrar por categoria

O que é e como funciona o Novo Ensino Médio?

Entenda, de uma vez por todas, o que é e como funciona o Novo Ensino Médio

Em 2021, todas as escolas da rede pública e privada do Estado de São Paulo passaram a adotar uma série de mudanças relacionadas ao Ensino Médio. A reestruturação desse ciclo também será aplicada por colégios de todo o país a partir dos próximos anos. Mas, afinal, o que é e como funciona o Novo Ensino Médio? Confira as respostas dessas perguntas a seguir!

 

O que é o Novo Ensino Médio?

A reformulação do último ciclo escolar começou a ser debatida pelo Ministério da Educação (MEC) em 2008. As discussões culminaram na implementação da Lei nº 13.450/2017, que prevê o aumento gradual da carga horária de 800 horas para 1.400 horas anuais e, principalmente, a reorganização do currículo do Ensino Médio, promovendo mais flexibilidade para os estudantes.

Isso porque os adolescentes passarão a conciliar as aulas regulares com atividades optativas que contribuam para a formação cidadã e profissional, considerando as competências, os interesses e as habilidades de cada um.

“Um aspecto muito importante dessa reestruturação é a proposta de incentivar a oferta de uma educação profissionalizante no Brasil, visando atender à nova dinâmica da sociedade e às novas exigências do mercado de trabalho, além de reduzir o déficit de profissionais qualificados em nosso país”, afirma Edmilson Motta, coordenador-geral do Colégio Etapa.

 

Como funciona o Novo Ensino Médio?

O Novo Ensino Médio tem uma estrutura dinâmica, com a formação geral básica, os itinerários formativos e, transversalmente a essa última parte, quatro eixos estruturantes: processos criativos, mediação e intervenção sociocultural, investigação científica e empreendedorismo. Continue a leitura para saber mais!

 

Formação geral básica

“A formação geral básica pretende garantir que todos os estudantes adquiram o conhecimento necessário em todas as áreas do conhecimento independentemente da carreira pretendida”, explica Motta.

A relação de disciplina que compõe a formação geral básica foi definida com base nas diretrizes da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), considerando a articulação das matérias dentro das grandes áreas do conhecimento. Nesse sentido, todos os estudantes cursarão as seguintes aulas:

  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias: Biologia, Física e Química;
  • Ciências Humanas e Sociais Aplicadas: Filosofia, Geografia, História e Sociologia;
  • Linguagens e suas Tecnologias: Artes, Inglês, Língua Portuguesa e Literatura;
  • Matemática e suas Tecnologias.

Com o Novo Ensino Médio, a disciplina Projeto de Vida também a estar presente na grade curricular de todos os discentes. Essa matéria visa contribuir para a formação integral dos estudantes, considerando a identificação e o estabelecimento de metas acadêmicas, pessoais e profissionais – o que poderá ajudá-los a definir seus itinerários formativos.

 

Itinerários formativos

Os itinerários formativos são o pilar responsável por inserir a educação superior no Novo Ensino Médio. Isso porque essa parte permite o aprofundamento e a ampliação do conhecimento em disciplinas específicas, com base na carreira pretendida por cada estudante.

O Novo Ensino Médio conta com cinco itinerários formativos, sendo que quatro conjuntos estão ligados às quatro áreas do conhecimento – Ciências da Natureza, Ciências Humanas, Linguagens e Matemática. Já o quinto grupo está relacionado à formação técnica e profissional. Vale destacar que aqueles que escolherem fazer um ou mais cursos profissionalizantes ligados a esse itinerário formativo poderão obter um certificado de formação técnica.

 

Eixos estruturantes

Os itinerários formativos devem dialogar, transversalmente, com quatro eixos estruturantes: processos criativos, mediação e intervenção sociocultural, investigação científica e empreendedorismo. Essa parte é composta por atividades extraclasse, que visam integrar a formação acadêmica e profissional com experiências de cunho pessoal, principalmente no que envolve a cidadania.

“Por meio dos processos criativos, os estudantes aprendem a transformar suas ideias em um robô, um programa de computador, uma peça de teatro ou até em um livro. Já com mediação e intervenção sociocultural, eles podem desenvolver um protagonismo político em suas comunidades, por meio do trabalho voluntário. Além disso, por meio da investigação científica, os adolescentes poderão desenvolver um conhecimento universitário sobre Neurociências, por exemplo. E com o empreendedorismo, eles têm a possibilidade de elaborar seus próprios negócios”, exemplifica Motta.

Dessa forma, os eixos estruturantes promovem mais flexibilidade ao Novo Ensino Médio. Vale destacar ainda que as escolas podem oferecer apenas um dos quatro eixos estruturantes. “Contudo, como o Colégio Etapa oferece uma ampla gama de atividades extracurriculares, nós seguiremos a proposta original de trabalhar as duas dimensões – itinerários formativos e eixos estruturantes – de forma entrelaçada. Assim, nossos alunos poderão fazer um itinerário formativo, vivenciando experiências reais que envolvem todos os eixos estruturantes”, destaca Motta.

 

Gostou dessas informações sobre o que é e como funciona o Novo Ensino Médio? Vale frisar que essa reformulação vai contribuir para que os estudantes tenham uma formação mais ampla, desenvolvam antecipadamente uma série de competências e de habilidades e façam uma escolha de carreira mais assertiva, considerando o perfil de cada um. Acesse o site do Colégio Etapa para se informar sobre nossa estratégia pedagógica e conhecer os serviços de apoio total aos alunos do Ensino Médio.

 

Conheça mais sobre o Colégio Etapa

Simulação da ONU: o que é e como funciona
Como a interdisciplinaridade pode aparecer nos vestibulares
Posts relacionados
A importância de ter um material didático completo e atual
A importância de ter um material didático completo e atual
A importância das atividades extracurriculares na escola
A importância das atividades extracurriculares na escola
13 filmes para estudar para o Enem
13 filmes para estudar para o Enem

Inscreva-se no blog

Inscreva-se no blog